sexta-feira, 3 de junho de 2011

Hackers querem acabar com a Sony

Os hackers não parecem dispostos a dar um descanso para a Sony.
Após a quebra de segurança da PlayStation Network, que obrigou o serviço a ficar fora do ar por mais de um mês, a empresa sofreu diversos ataques a outras unidades.
Agora foi a vez do site da Sony Pictures, a divisão de cinema da companhia.

O responsável pelo ato, o grupo LulzSec, afirmou ter invadido recentemente a página e roubado dados de mais de 1 milhão de associados, obtendo informações como nome, email e endereço residencial. Além disso, as senhas estavam em um arquivo de texto facilmente acessível e sem codificação.

Segundo eles, o método utilizado para invadir a página foi extremamente simples – e essa falta de segurança deveria servir para abalar a confiança do consumidor na Sony. Uma injeção de SQL, tipo de ataque contra bancos de dados, teria sido usada na operação do LulzSec.

Em sua página oficial, o grupo disponibilizou o método capaz de acessar as informações, juntamente com um modo de obter dados pessoais de cadastrados na Sony BMG, a gravadora da empresa, que também teve a segurança comprometida.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Novo sistema de inicialização híbrida vai garantir um tempo de carregamento inicial muito mais veloz do que o do Windows 7.   Após muitos rumores e informações vazadas, finalmente a Microsoft revelou os detalhes oficiais do que esperar na versão final do Windows 8. Durante o evento realizado nesta quinta-feira (2 de junho), umas das principais novidades destacadas pela empresa foi a possibilidade de usar o sistema operacional em qualquer tipo de aparelho.

Segundo a Microsoft, o novo sistema operacional deve ter um tempo de inicialização muito mais rápido do que o Windows 7. A expectativa da companhia é que, utilizado em conjunto com dispositivos com memória SSD, o tempo de inicialização do novo sistema operacional seja de somente 6 segundos.

Já nos aparelhos que utilizam discos rígidos, a previsão é que o tempo de inicialização máximo esteja restrito a somente 20 segundos. Para garantir toda essa velocidade, o Windows 8 contará com um sistema de inicialização híbrida, que implica na hibernação da máquina utilizada em vez de seu desligamento total.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '




Fonte: Tecmundo

Internet Explorer 10 terá interface feita para o touchscreen

Novo software terá um sistema de abas mais discretas, além de um teclado virtual mais ergonômico e intuitivo.


Entre as principais novidades reveladas pela Microsoft nesta quinta-feira (2 de junho) está a nova interface que será utilizada pelo Internet Explorer 10. Feita pensando nos displays touchscreen, a novidade permite oferecer uma experiência mais intuitiva e ergonômica do que as opções disponíveis atualmente no mercado.

Um dos destaques do programa é o novo sistema de abas, que agora ficam escondidas grande parte do tempo para permitir um maior destaque do conteúdo dos sites abertos.
Além de adaptar toda a navegação convencional ao toque, a Microsoft também desenvolveu uma nova forma de teclado virtual, que concentra as teclas na parte lateral da tela para que o usuário não precise mais levar as mãos ao centro do dispositivo utilizado.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

MSI apresenta novos tablets de 10 e 7 polegadas

Aparelhos estarão equipados com processadores ARM de 1,2 GHz e não serão vendidos por mais que US$300,00 nos EUA.
MSI WindPad Enjoy7
A Micro Star International revelou nesta última terça-feira (31/05) seus novos modelos de tablets equipados com o Adroid Gigerbread, durante uma demonstração para o público da 


Computex 2011, em Taiwan.
Nomeados de WindPad Enjoy 7 e Enjoy10, os tablets terão o CPU ARM Cortex A8 de 1.2 GHz como “motor”. Ambos estrearão no mercado norte-americano e europeu até o final de 2011 com um preço muito atrativo: não mais que US$300,00. Em comparação, o Samsung Galaxy

Tab e o Motorola Xoom, dois modelos concorrentes, custam em torno de US$500,00, ambos de 10 polegadas
Outras especificações são:


  • 512 MB de memória RAM
  • 4 GB de memória interna
  • Duas câmeras
  • Tela com resolução de 800x480 pixels (widescreen) no Enjoy7 e 1024x168 pixels (fullscreen) no Enjoy 10. 

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

iPad 2 pode ter estoque reposto no Brasil ainda nesta semana

Surge uma nova chance para você adquirir o novo tablet da Apple no país!

O lançamento oficial do iPad 2 no Brasil foi avassalador. 

Em questão de horas, os estoques das lojas de varejo e dos pontos oficiais da Apple já estavam completamente esgotados. 

Se você ficou de fora dessa primeira leva de produtos, não se preocupe: um segundo lote deve chegar às prateleiras ainda nesta semana.

Segundo informações levantadas pela Info, algumas redes de lojas confirmaram a reposição do produto para quinta ou sexta-feira, enquanto outros estabelecimentos, que ainda não possuíam o aparelho para venda, devem iniciar a comercialização nessa mesma data.

Sucesso

Nem mesmo o alto preço do tablet da Apple por aqui afastou o consumidor, que esgotou rapidamente as primeiras unidades do iPad 2 no Brasil. A versão mais básica do produto custa R$ 1.650 e chegou ao mercado nacional em 27 de maio.

Entre os motivos para um sucesso de vendas tão grande, destaca-se o baixo número de unidades por estoque que foi disponibilizado, muito menor do que do primeiro iPad. Além disso, o lançamento muito próximo ao do seu antecessor fez com que consumidores que ainda pesquisavam um tablet pulassem direto para a segunda versão do aparelho.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

Microsoft revela Windows 8

O sistema para qualquer tipo de aparelho.
Novo sistema é otimizado para touchscreen, mas poderá ser usado com mouse e teclado.


O Windows 8 é oficial. Durante a conferência da Microsoft nesta última quarta (1º) na D9, a nova geração do sistema operacional foi demonstrada com destaque especial para a interface, que foi totalmente remodelada para seguir a forte tendência de hardware e softwares touchscreen.

De acordo com o anúncio oficial da Microsoft, o novo Windows é adaptável para diferentes telas, das menores até as maiores, com ou sem suporte para toque. Apesar de otimizado para touchscreen, quem usa mouse e teclado poderá desfrutar o novo sistema normalmente.

A nova plataforma e os novos recursos para desenvolvedores farão com que os aplicativos sejam compatíveis com todos os tipos de computador, com ou sem teclado, com tela grande ou pequena, tablets, notebooks, etc. “Centenas de milhões de PCs vão rodar a nova interface do Windows 8”, ressalta o anúncio oficial da Microsoft.
Windows 8 é Oficial

Menu iniciar passa a ser um mosaico com visualizações adaptável dos aplicativos;
Cada parte do mosaico refere-se a um aplicativo e mostra informações atualizadas constantemente;
Uma dessas miniaturas “acusa” a loja de aplicativos da Microsoft;
Alternância simplificada entre aplicativos em execução;
Possibilidade de redimensionar e reorganizar um aplicativo no canto da tela para multitarefas;
Aplicativos baseados em HTML5 e JavaScript interconectados com o sistema;
Navegação pelo Internet Explorer 10 totalmente otimizada para toque;
Compatibilidade com aplicativos já existentes;
Novas tecnologias para facilitar a vida dos desenvolvedores;
Compatibilidade com SoC (sistemas em um chip);


O evento


A conferência da Microsoft começou com Mike Angiulo, responsável pelo planejamento do Windows. Ele comentou como o Windows se adaptou a novas tendências, citando o 7, lançado na época da explosão dos notebooks ultra portáteis.
Hoje, segundo Angiulo, as tendências envolvem experiências imersivas, telas de toque e navegação pela internet. E então foi feito o login no novo Windows.
A tela inicial é um mosaico que substitui o Menu Iniciar clássico. Cada aplicativo, contato, jogo, enfim, qualquer necessidade do usuário, tem um tile — como se fosse um ícone, porém no formato retangular, maior e com mais detalhes referentes ao aplicativo. Por exemplo, o ladrilho do aplicativo de clima já exibe a temperatura no momento sem a necessidade de abri-lo.

Windows 8 otimizado para touchscreen

Como já era esperado, a nova interface é otimizada para toque, mas também funcionará bem com mouse e teclado, de acordo com o vídeo de demonstração.
A tela inicial é um mosaico que substitui o Menu Iniciar clássico. Cada aplicativo, contato, jogo, enfim, qualquer necessidade do usuário, tem um tile — como se fosse um ícone, porém no formato retangular maior e com mais detalhes referentes ao aplicativo. Por exemplo, o ladrilho do aplicativo de clima já exibe a temperatura no momento sem a necessidade de abri-lo.
O usuário só precisa deslizar o dedo do canto para o centro da tela para alternar entre os aplicativos em execução. Quando o usuário desliza o dedo e segura o ladrilho por alguns segundos, a tela se divide e então ele pode ter dois aplicativos simultâneos. É o recurso Snap adaptado aos controladores por gestos.

Multitarefas aprimorado
Já se o usuário arrastar do canto direito para o centro, abre-se um menu de controladores, como uma Barra de tarefas. Para quem está com um tablet, esses controles estão sempre ao toque dos polegares.
Com a nova maneira de exibição de conteúdo, a migração entre aplicativos está muito facilitada. Vê-se no vídeo que poucos toques bastam para pegar arquivos de um aplicativo e usá-los em outro.
Apesar da reformulação completa da interface, o Windows 8 leva em consideração a compatibilidade com programas já existentes. Os recursos comuns de versões anteriores continuam acessíveis, como a Área de trabalho e o Windows Explorer idêntico ao do Windows 7.


Internet na ponta dos dedos


Juntamente com o Windows 8, será apresentado ao mundo o Internet Explorer 10, também totalmente otimizado para o toque. Um destaque do navegador é o teclado virtual “ergonômico”. Ele pode ser repartido com as teclas concentradas nos lados da tela, para que o usuário não precise direcionar as mãos principalmente no centro.

Novo teclado virtual do IE10

Desenvolvimento


Aplicativos para Windows 8 usarão tecnologias como HTML5, JavaScript e HTML, além de um vasto conjunto de bibliotecas e controladores com foco em interação fluida e conectividade. Tais aplicativos serão otimizados para toque em tela cheia e, segundo afirma a Microsoft, se integrarão com facilidade aos novos recursos da interface.
Como afirmou Angiulo durante a apresentação, “no primeiro dia, quando o Windows 8 for lançado, centenas de milhões de desenvolvedores já saberão como desenvolver para o sistema”.


Protótipos ARM com Windows 8


Durante a apresentação de Angiuno, o Windows 8 foi mostrado em funcionamento em diferentes equipamentos: um protótipo Dell XPS, um HP dv6 com o processador AMD Llano (que será lançado em breve); um tablet sem resolução 16:9; e outros dispositivos.
O Windows 8 também estará em tablets e smartbooks baseados em ARM. Durante a Computex 2011, que acontece em Taiwan, Foxconn, Wistron e Qanta exibiram protótipos de tablets e smartbooks com Windows 8 e chips da Qualcomm, TI e NVIDIA (incluindo o Kal-El).


Agora que o Windows 8 está oficialmente apresentado, a expectativa dos usuários cresce ainda mais. Muito mais será revelado em setembro, durante o BUILD, evento que mostra as novas possibilidades para desenvolvedores.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

Redes Wi-Fi mais velozes podem surgir já em 2012

Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos está trabalhando em versões de 1 Gb/s e 7 Gb/s.


Dois novos protocolos de Wi-Fi podem chegar ao mercado muito em breve, ampliando a velocidade de transferências de dados consideravelmente. O Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE) está trabalhando nos padrões 802.11ac, com possibilidade de atingir até 1 Gbps, e 802.11ad, com velocidade máxima de até 7 Gbps.


Rumores dão conta que os novos padrões podem chegar ao mercado já no final de 2012, com distribuição massiva em 2013. 


Para se ter uma ideia do potencial evolutivo, atualmente os roteadores atingem velocidades máximas de até 450 Mbps.


Os novos protocolos anida não forma aprovados em seus testes iniciais, contudo de acordo com o site do IEEE a estimativa é que em 2015 mais de 1 bilhão de dispositivos já estejam utilizando as novas velocidades.

No Brasil, as velocidades de banda larga mais comuns – 1, 2, 5 e 10 Mbps – oferecem melhor compatibilidade com o padrão 802.11n (450 Mbps). Caso contrário, ainda que disponha de uma alta velocidade, você não poderá usufruí-la ao máximo.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

TDK lança tela semitransparente para celulares

Produto da empresa japonesa já deve estar disponível para os modelos de aparelhos lançados no segundo semestre.


A empresa japonesa TDK anunciou nesta semana o desenvolvimento de uma tela semitransparente orgânica QVGA. A novidade poderá ser utilizada em dispositivos móveis, como celulares e tablets, e deve estar disponível já no segundo semestre.


O novo produto é uma tela de matriz passiva orgânica semitransparente, formada por materiais que emitem luz ao receber uma descarga elétrica. Segundo a empresa, por suas características específicas – brilho forte, ângulo de visão amplo e tempo de resposta rápido -, a tela é menos cansativa para os olhos do usuário.



O único modelo disponível até o momento existe apenas para demonstração. A tela apresentada pela TDK tem resolução de 240 x 320 pixels e mede aproximadamente 36 x 48 milímetros.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

Qualcomm anuncia linha de processadores compatíveis com o Windows 8

Novos CPUs Snapdragon usarão tecnologia Dual-Core e Quad-Core, com modem 3G/LTE integrado.


A Qualcomm, empresa por trás do Snapdragon, anunciou ontem (01/06) sua nova linha de processadores Dual-Core e Quad-Core, otimizados para o novo sistema operacional da Microsoft que também estará presente em tablets. O anúncio foi feito em uma conferência com a imprensa durante a Computex 2011, em Taipei.



Há tempos que existem rumores, especulações e vazamentos sobre uma possível colaboração entre a gigante de Mountain View e a empresa de microchips no desenvolvimento de CPUs da próxima geração, mas só agora a informação é oficial, com previsão de lançamento para este mês.

O MSM9860 será o primeiro processador Dual-Core para portáteis a ter modem 3G/LTE embutido, desenhado especialmente para atender os requerimentos para as aplicações multitarefas do Windows 8, seguindo a tendência SoC (System on a Chip).

Já o Snapdragon APQ8064 será equipado com quatro núcleos trabalhando assincronamente, de modo que a aplicação possa ter controle independente sobre cada core, com o máximo de desempenho e eficiência. Este último modelo poderá chegar à velocidade de 2.5 GHz, com previsão de ir para o mercado no início de 2012.

A Qualcomm ainda demonstrará os primeiros modelos de tablets durante Computex 2011 Taipei, que teve início em 31 de Maio e vai até o dia 4 de Junho.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

Protogon: Windows 8 pode ter novo sistema de arquivos

Novidade ainda é cercada de mistérios, podendo se tratar de uma reinvenção do WinFS planejado para o sistema Longhorn.




Entre as diversas novidades preparadas pela Microsoft para o Windows 8, pode estar um sistema de arquivos totalmente novo, conhecido até o momento pelo nome Protogon. Segundo informações da jornalista Mary Jo Foley, do ZDNet, a novidade aparentemente substituirá, ou ao menos será capaz de emular com perfeição, o sistema NTFS.

Diversas referências ao Protogon estão presentes nas versões Milestone vazadas do sistema operacional. Especula-se que novidade incorpora alguns conceitos utilizados por bancos de dados na criação de arquivos, como cursores, colunas e tabelas.
Rumores também apontam que o Protogon pode ser uma atualização do sistema de armazenamento Jet Blue, adaptado para as versões mais recentes do Active Directory e do Exchange Server. Há ainda a possibilidade de o recurso se tratar de uma reinvenção do WinFS, sistema de arquivos desenvolvido para o Longhorn, mas que foi descontinuado pela Microsoft.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

Conceito integra tablet, smartphone e notebook em uma única peça

Peça é uma das participantes do Prêmio Fujistsu de Design.


Imagine unir em uma única peça um tablet, um smartphone e um notebook e poder utilizá-los, em conjunto ou separados, quando bem entender? Essa é a proposta apresentada pelos designers Patrick Decker e Florian Langer ao concurso Fujitsu Design Award.


O conceito, batizado de Lifebook, mostra uma unidade multifuncional com uma infraestrutura desmontável. A tela, com suporte para touchscreen, pode se transformar em um tablet. Quando o teclado é adaptado, o Lifebook se transforma em um laptop. Já na lateral direita, o teclado numérico é substituído por um smartphone que, quando destacado, também pode ser utilizado de maneira independente.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

RevoDrive apresenta híbrido com HD e SSD

Modelo chega às lojas em julho e pode ser acoplado a uma placa PCIe.



Uma das tendências do mercado de eletrônicos na atualidade é a utilização de drives SSD em vez dos tradicionais HD. É cada vez maior o número de equipamentos que fazem com que o usuário deva optar por uma ou outra tecnologia. Mas que tal levar para casa um computador que suporte as duas ao mesmo tempo?

Essa é justamente a proposta da OCZ, com o lançamento do RevoDrive.
A empresa apresentou ao mercado um modelo de drive que une HD e SSD em um único dispositivo.
O combo pode ser conectado numa placa PCIe.
O produto estará disponível nas lojas norte-americanas a partir do mês de julho.
Pelo preço de US$ 350, o usuário poderá levar para casa um HD de 500 GB e um SSD de 60 GB. Resta saber se a utilização dos dois drivers ao mesmo tempo se constituirá, de fato, num diferencial para o usuário. Ainda não há previsão de lançamento do produto no Brasil.

e muito mais no  ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

Cursos Centro Creative


Não perca tempo!

Twitter anuncia novidades nas buscas e no compartilhamento de fotos

Rede social vai permitir upload próprio de imagens. Vídeos e fotos também serão adicionados no sistema de pesquisa, que deve ser melhorado.



O Twitter divulgou em seu blog oficial uma nota que explica suas novas funções na área de imagem e pesquisas, que devem ser implementados nas próximas semanas. A maior das novidades está no compartilhamento e armazenamento de mídias, em uma ação que deve aproximar ainda mais os usuários, segundo a declaração dos desenvolvedores do site.

A partir de agora, será possível anexar automaticamente uma foto na hora de escrever um tweet. O serviço é uma parceria feita com o servidor de imagens Photobucket, eliminando de vez a necessidade de hospedagem em sites como o Twitpic ou o Imgur, por exemplo.



Novidades na busca

O sistema de pesquisa do Twitter também será aprimorado. Além da inclusão de vídeos e fotos, os próprios tweets que contém os termos buscados serão ainda mais filtrados, trazendo apenas os resultados mais relevantes.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

Versão final do Office 365 estará disponível em junho

Microsoft confirmou o lançamento do pacote de aplicativos em nuvem, que estava em versão de testes.

O Office 365, inclusão da Microsoft na tecnologia de computação nas nuvens, ganhou uma data de lançamento aproximada para sua versão final. Segundo o diretor executivo da Microsoft, Steve Ballmer, não há uma data definida, mas a partir de junho será possível contar com o novo pacote de softwares de escritório da empresa.
A coletânea é direcionada para o ambiente empresarial e inclui o Office 2010, o Exchange, o SharePoint e o Lync. Através do sistema em nuvem, todos os dados ficam armazenados em um servidor virtual, que disponibiliza os arquivos para toda a rede da empresa.
Os interessados em adquirir o produto tiveram a oportunidade de experimentar uma versão de teste, lançada em abril. No site oficial do serviço, ainda é possível baixar a versão Beta para saber se vale a pena adquiri-lo.
A versão básica conta com versões online dos aplicativos do Office, além dos outros programas, tudo a partir de US$ 6 mensais por pessoa. Já o pacote mais caro custa quatro vezes mais, mas conta com um vasto número de adições, como suporte a email, rede social, mensagens instantâneas e até conferências por áudio ou vídeo, além do Office Professional Plus 2010.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Tecmundo

Analistas cortam preço-alvo da Nokia após alerta de resultado

Analistas previram nesta quarta-feira um ambiente mais ameaçador para a Nokia adiante e a fabricante de celulares foi forçada a negar rumores de que venderia seus principais negócios para a Microsoft.


Um dia após ter anunciado que as vendas de celulares no segundo trimestre ficarão "substancialmente abaixo" de sua projeção anterior, vendo suas ações desabarem 18 por cento, a Nokia viu seu valor de mercado chegar a cair mais 10 por cento durante o pregão na bolsa de Helsinque desta quarta.


Mas os papéis se recuperaram para fechar o dia com baixa de 0,8 por cento, valendo 4,71 euros, em meio a especulações de que seu principal negócio poderia ser vendido.


A melhora da cotação das ações da Nokia ocorreu após um site noticiar que a parceira de software Microsoft iria comprar sua divisão de celulares por 19 bilhões de dólares. A Nokia disse que a reportagem era "100 por cento sem fundamento", enquanto a Microsoft se recusou a comentar o assunto.


A Nokia vai adotar o software Windows, da Microsoft, em lugar de sua plataforma Symbian, como parte da reformulação das operações de celulares iniciada três meses.


As operadoras de telefonia móvel da Europa, que desempenham papel chave para o sucesso ou fracasso de aparelhos no continente devido aos subsídios que oferecem, disseram à Reuters que os novos modelos Symbian da Nokia, que foram lançados apenas para manter o mercado coberto pelo restante do ano, não despertam interesse de consumidores.


Analistas afirmaram que a maior preocupação é que a Nokia, no passado líder incontestável no setor de celulares, não consiga recuperar muito mercado mesmo depois de começar a vender os novos modelos acionados pelo Windows, no quarto trimestre.


"Continuaríamos a evitar essa ação, já que as vendas dos modelos Symbian vêm caindo mais rápido que o esperado e estamos céticos quanto à capacidade dos novos modelos Windows Phone para substituir os lucros perdidos", afirmou o analista Stephen Patel, da Gleacher & Co.


A corretora Nomura cortou o preço-alvo das ações da Nokia de 4,75 para 4 euros e manteve sua recomendação de "venda". O JPMorgan reduziu o preço-alvo de 5 para 4,25 euros, enquanto o Credit Suisse cortou de 5,5 para 4 euros.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Microsoft cria mesa touchscreen com Windows 7 para DJ


A Microsoft apresentou nesta semana a primeira mesa para DJs com interface touchscreen. O equipamento foi batizado de Emulator e tem como sistema operacional o Windows 7. A interface é completamente adaptada para os músicos e contempla uma série de tecnologias de mixagem de som.
No total, o Emulator apresenta mais de 200 botões de Midi, controles deslizantes para mixagem de faixas e filtros e outros efeitos sonoros. O software é ainda o primeiro com multitouch nativo disponível para o SO da Microsoft.

Podendo ser transformado em um tablet ou em um grande sistema de projeção, o Emulator é capaz de projetar luzes na mesa a partir de sua parte traseira. A tela, transparente e luminosa, permite que o público veja as ações do DJ enquanto ele manipula o equipamento.
O equipamento será apresentado ao público durante o Festival Internacional de Mutek, na cidade de Montreal, no Canadá, entre os dias 1º e 5 de junho.
e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

Relatório divulgado pela Microsoft mostra que Windows 7 é mais seguro que XP

Versões 64 bits do Windows Vista e 7 apresentaram as menores taxas de infecção entre os softwares analisados.
A edição mais recente do Security Intelligence Report, disponibilizado pela Microsoft no último sábado (14 de maio), mostra que o Windows 7 apresenta uma taxa de infecções por malwares muito menor que a do Windows XP. O relatório usa como base informações coletadas durante o ano de 2010, e inclui dados sobre o Windows, aplicativos e atividades na internet.

Segundo o documento, o Windows XP SP 3 possui uma taxa de infecção de 15,9 computadores a cada 1000 máquinas analisadas. Com o Windows Vista, o número cai para quase metade, com 7,5 infecções a cada 1000 – número ainda menor na versão 7, que possui uma taxa de infecção de somente 3,8 máquinas a cada 1000 análises.
Já os usuários das edições 64 bits do Windows Vista e 7 têm ainda mais motivos para comemorar, já que as taxas de infecção dos sistemas são as menores entre os produtos analisados na pesquisa. Segundo a Microsoft, isso é motivado pelo fato de os usuários de versões 64 bits em geral serem mais experientes que os demais.
Outro motivo é o recurso Kernel Patch Protection, que protege o kernel do sistema operacional contra modificações não autorizadas. Já a grande taxa de infecções do Windows XP pode ser explicada pela falta de atualizações feitas para o sistema operacional, além do fato de se tratar de um produto cujo código já é bem conhecido entre hackers.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '


Fonte: Tecmundo

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Crescem rumores de interesse da Microsoft pela Nokia

Aquisição do Skype, crescimento do mercado de móveis e ação da concorrência são fatos que contribuem com o aumento das especulações sobre compra da Nokia.
A Microsoft estaria se preparando para fazer uma oferta à Nokia, a mais rentável fabricante de celulares do mundo. O rumor é do blogueiro russo Eldar Murtazin, do site Mobile Review. Segundo o jornal inglês The Guardian, Murtazin disse que no ano passado existiu um diálogo entre as duas empresas sobre o Windows Phone, quando todos pensavam que a Nokia ficaria com o sistema Symbian - que acabou sendo abandonado e trocado pelo Windows Phone 7.

Murtazin também foi processado pela Nokia em julho de 2010 porque teve acesso exclusivo ao novo kit da empresa, algo não agradou a fabricante finlandesa. O caso demonstrou já à época que ele tinha bons contatos internos na companhia.

O russo também previu que a Nokia acabaria com a marca Ovi (da sua loja online), algo que a empresa realmente fez na última segunda-feira. Outra previsão é de que o atual CEO Stephen Elop (ex-Microsoft) renunciará no fim de 2012.

Para o analista de mercado de telecomunicação da consultoria internacional Frost & Sullivan, Ronald Gruia, a transação é muito difícil por conta do valor de capitalização da Nokia, que é de US$ 32 bilhões. "A transação é muito difícil de ser executada. Claro que também isso representaria uma grande mudança no foco da Microsoft, além de ser um investimento alto logo após a aquisição do Skype", disse em entrevista ao Terra.

Por outro lado, ele acredita que uma possível compra da Nokia pela Microsoft poderia gerar mais lucros para a empresa de Redmond. "A Microsoft poderia obter um lucro maior por cada smartphone vendido. A Apple, por exemplo, tem um bom lucro por cada iPhone vendido. A Micrsoft até agora só usou o 'licensing model' para o Windows Phone, o que gera menos de uns US$ 15 por celular", explicou Gruia.

O diretor de comunicações da Nokia no Reino Unido tuitou que a empresa finlandesa "tipicamente não comenta sobre rumores. Mas, é preciso dizer que os rumores de Eldar (Murtazin)estão ficando obviamente menos apurados a cada momento que passa". O tweet apenas despista, mas não afirma que as supostas negociações entre as empresas sejam mentira.

O jornal The Guardian, baseado nos últimos valores de ações da Microsoft e da Nokia, além da compra do Skype pela companhia americana, prevê que a compra aconteça, mas que o interesse maior seja somente pela divisão de telefones móveis da Nokia. A própria negociação com o Skype comprovaria o "olho espichado" da Microsoft para o setor de telecomunicações.

Os rumores sobre a possível compra não são exatamente novos. Uma reportagem da agência Reuters já especulava a possível compra de uma fabricante de telefones móveis, a RIM ou a Nokia, pela Microsoft em fevereiro de 2010. O analista Tan Tran, da consultoria Morning Star, disse à época que essa seria a única forma da gigante californiana sobreviver no mercado com a crescente presença dos móveis. Agora é esperar para ver quem tem razão.
e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: Terra

Aplicativo usa reconhecimento facial para destravar iPhone 4

Aplicativo dá a opção ao usuário de usar reconhecimento facial
 para destravar iPhone
'RecognizeMe' escaneia face do usuário a partir de fotos.
Segundo site, aplicativo ainda não está disponível para venda.

Um aplicativo para iPhones desbloqueados permite que o dono destrave o aparelho por reconhecimento facial em substituição a digitação de senha. Após adicionar algumas fotos a uma galeria, o RecognizeMe dá a opção ao usuário de destravar o iPhone 4 apenas posicionando o rosto em frente à câmera.

O aplicativo escaneia a face do usuário por alguns segundos até decidir se ele é mesmo o dono do aparelho. Nas configurações, o usuário pode ajustar a porcentagem de segurança que ele quer que o aplicativo tenha.

Até agora, o criador do RecognizeMe publicou apenas um vídeo sobre o aplicativo no YouTube. Segundo o site PC World, alguns usuários que já testaram o aplicativo afirmaram que ele permite que outras pessoas, à vezes parecidas com o dono, consigam entrar no iPhone, mesmo com a porcentagem de segurança em 80%.

O site também afirma que o RecognizeMe ainda não está disponível para venda, mas acredita-se que ele chegará ao mercado por US$ 7.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: G1

Após estreia de ação na bolsa, LinkedIn abre novas vagas

Em comunicado, empresa afirmou que está em busca de engenheiros.
LinkedIn é a primeira rede social norte-americana a ter ações na bolsa.

Depois de as ações do LinkedIn mais do que dobrarem na estreia da companhia na bolsa de valores, a rede social anunciou nesta sexta-feira (20) que está contratando “engenheiros de todos os níveis para uma grande variedade de equipes e projetos, incluindo o Android”, sistema operacional para smartphones do Google.

Em um comunicado enviado por e-mail, o LinkedIn informou que os engenheiros ficariam na sede principal da companhia em Mountain View, na Califórnia. A rede social também afirmou que está em busca de profissionais para a área comercial para trabalhar em outros países.

Às 12h43 de quinta-feira (19), as ações do LinkedIn subiam 126%, cotadas acima de US$ 101,8, ante o preço da oferta pública inicial de US$ 45. Com isso, o valor de mercado da empresa superava os US$ 8 bilhões.

O LinkedIn levantou na quarta-feira (18) US$ 352,8 milhões com sua oferta pública inicial de ações. A empresa vendeu 8% da companhia, ou 7,84 milhões de papeis a US$ 45 dólares.

O site é a primeira companhia de redes sociais norte-americana a ter ações negociadas em bolsa. Uma série de outras empresas do setor deve seguir o movimento, incluindo Facebook, Groupon, Twitter e Zynga.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: G1

Computadores ajudam humanos a estudar literatura e evolução da língua

Alfred Spector, vice-presidente de engenharia do Google
Vice-presidente do Google quer que site entenda mais de 6 mil línguas.
Gigante da web tem acervo de 12 milhões de livros digitalizados.

Há dez anos, seria impossível imaginar um computador capaz de analisar em alguns segundos o conteúdo de 12 milhões de livros em 400 línguas diferentes. Mas para o vice-presidente mundial de engenharia do Google, o banco de dados de mais de 5 bilhões de páginas digitalizadas que a empresa tem em seus servidores, totalizando cerca de 2 trilhões de palavras, não apenas servirá para arquivar o conhecimento humano, mas também servirá de instrumento para que os computadores possam ajudar no estudo da literatura e da evolução das línguas.

Alfred Spector é um dos principais defensores da tese de que a principal missão do Google é organizar toda a informação do planeta, e transformá-la em universalmente acessível e útil. De acordo com Spector, a facilidade com que os servidores da empresa trabalham com grandes volumes de dados torna possível realizar, em pouco tempo, estudos sobre as diferenças nas traduções de livros do latim para os idiomas modernos ao longo do tempo, ou mesmo entender como a conjugação de alguns verbos mudou nos últimos séculos.

"Há um campo imenso de pesquisa a ser feito nas ciências humanas utilizando os textos históricos que digitalizamos", diz Spector. "Poderíamos, por que não, comparar todos os livros publicados na Inglaterra no século XIX para encontrar quais são os padrões nos textos que os estudiosos classificam como literatura da Era Vitoriana."

O executivo aponta como exemplo um estudo realizado na universidade americana de Harvard. A partir da análise computacional de textos em inglês de diversas épocas, desde Beowulf, publicado entre os séculos VII e XI, até Harry Potter, o estudo mostrou como ocorreu a transformação da maioria dos verbos irregulares do inglês arcaico em verbos regulares, com conjungação mais simples.

Tradução
O armazenamento em forma digital de textos e a explosão exponencial do poder dos computadores também criaram a possibilidade do Google se transformar em um tradutor universal, eliminando uma das mais primitivas barreiras de acesso à informação: a língua.

Spector afirma que o Google Translate já consegue fazer traduções que nenhum ser humano vivo teria a capacidade de realizar. "Não creio que exista alguém que leia basco e maltês, ou que consiga adaptar um texto do islandês para o suaíl. Dos 58 idiomas que o Translate domina, tenho certeza que existe algum par de línguas que, para fazer a tradução, seria necessário traduzir uma delas para o inglês ou espanhol, por exemplo, para que outra pessoa fizesse enfim a transcrição para o idioma final."

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Fonte: G1

sábado, 14 de maio de 2011

Google pode enfrentar processo antitruste semelhante ao da Microsoft

Planos de expansão da gigante das buscas começam a incomodar as agências reguladoras na Europa e nos Estados Unidos.


A Google está muito perto de ir para o banco dos réus na corte dos EUA. Acusada de prática de comportamento desleal, igual aconteceu à Microsoft na década de 90. Ocorre que a Comissão Federal de Comércio dos EUA, segundo a rede de notícias Bloomberg, estaria com a empresa de Mountain View na mira em investigações antitruste. Em novembro de 2010, a Google foi levada à corte da Comunidade Europeia, também por ser acusada de agir fora das regulamentações determinadas pelas comissões de comércio. Recentemente, a Microsoft afirmou que irá tomar parte na ação antitruste contra a Google na Europa.
As preocupações das autoridades antitruste aumentaram quando a Google anunciou planos de expandir o Google Books e de comprar a empresa de agregação de dados de vôos ITA. Em janeiro de 2011, o departamento de justiça dos EUA estaria preparando uma ação contra a Google, com foco na transação com a ITA – tal ação, porém, não se concretizou.
Muito além da busca
Segundo in formações da comScore, a Google detém atualmente, 66% de todo o mercado de buscas na internet dos EUA. Ocorre que, com o Android, a Google ultrapassou o ambiente das buscas e se torna um participante dominante no segmento e sistemas operacionais para telefonia e computação móveis. Os planos de criar a maior biblioteca digitalizada do mundo, completamente indexada e pronta para ter conteúdo exibido em buscas no Google permanecem vivos na empresa de Larry Page.
Na frente de batalha contra a Apple, a Google se prepara para lançar um serviço de venda de músicas concorrente ao iTunes. Segundo relatórios do jornal inglês, Guardian, a empresa também quer transformar o Youtube em canal para transmissão de partidas ao vivo das principais ligas norte-americanas: a NHL de hóquei e a NBA, de basquete.
Se juntarmos todas as informações que a Google já tem em seus servidores, não é difícil entender os motivos que levam as agências reguladoras a aumentar a pressão sobre a companhia.
Vale questionar se o tratamento que a Google recebe, é, de alguma maneira, comparável ao dispensado à Microsoft nos anos 90. O jornalista-contribuidor da Bloomberg, Paul Kedrosy, chama atenção para o fato de os serviços de busca da Google não reduzirem a liberdade do usuário, como era o caso de sistemas operacionais da Microsoft.
Ao optar por usar o Windows, o usuário tem de usar programas desenvolvidos especificamente para essa plataforma. Com base nesse tremendo poder de fogo, a Microsoft aumentou a pressão sobre seus competidores.
A Google, por sua vez, não tem como aprisionar o usuário. Existem outros motores de busca na Internet, como o Blekko, o Duckduckgo e o Bing. Seja qual for o motivo, as pessoas preferem usar o Google. Ainda assim, a enorme base de dados de usuários do Google o coloca em vantagem e lhe oferece a possibilidade de eliminar determinadas empresas dos primeiros resultados de busca. É com base nesse argumento, que autoridades da Europa se preparam para, talvez, iniciar um longo processo contra a empresa.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Processo antitruste contra Microsoft termina depois de 13 anos

Departamento de justiça acusava empresa de manter ilegalmente monopólio no mercado de desktops, companhia diz que experiência mudou sua visão.


Após mais de 13 anos, chega ao fim o processo antitruste iniciado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos contra a Microsoft. Com isso, também termina a supervisão de uma corte americana sobre o caso, que já durava mais de oito anos.

A supervisão da juíza Colleen Kollar-Kotelly de um acordo de novembro de 2002 estendido duas vezes entre a Microsoft e o Departamento de Justiça (DOJ, na sigla em inglês) acaba nesta quinta-feira (12/5).


Nos últimos anos, a juíza focou-se principalmente em pequenos detalhes do acordo – problemas em documentações técnicas para protocolos de comunicação que a Microsoft teve de compartilhar com seus concorrentes.

Em um comunicado publicado ontem, o Departamento de Justiça classificou o caso de antitruste, iniciado em 1998, como bom para o cenário competitivo no mercado de TI (tecnologia da informação).

O julgamento antitruste protegeu o desenvolvimento e a distribuição de middleware (programa que faz mediação entre software e demais aplicativos) e permitiu que os consumidores tenham escolhas, afirma o Departamento.

“O julgamento final (...) evitou que a Microsoft continuasse com o tipo de comportamento excludente que levou ao processo original”, diz o DOJ. “A Microsoft não domina mais a indústria de computadores como fazia quando o processo teve início em 1998.”

Segundo o Departamento de Justiça, o acordo antitruste também levou a “condições competitivas” que permitiram que novos produtos, incluindo aparelhos móveis e computação na nuvem, se desenvolvessem como potenciais ameaças ao sistema operacional desktop Windows.

A alegação principal do processo original era que a Microsoft mantinha ilegalmente seu monopólio no mercado de sistemas operacionais de computadores, excluindo middleware concorrentes de seu próprio sistema.

A Microsoft publicou uma declaração para marcar o fim do caso: “Nossa experiência nos mudou e moldou a maneira como vemos nossa responsabilidade em relação à indústria. Estamos satisfeitos em conduzir esse assunto a um desfecho bem-sucedido e estamos animados para continuar entregando ótimos produtos e serviços para nossos parceiros e consumidores.”

Impacto do caso
Analistas concordaram que o caso não teve um grande impacto na Microsoft, mas um deles disse que o processo pode ter influenciado um pouco sua ação no mercado.

A decisão judicial teve alguns efeitos “psicológicos” na companhia, segundo o analista da Gartner, David Mitchell Smith. “Quando você coloca uma empresa sob investigação minuciosa e a prende um pouco em termos do que ela pode fazer, isso muda a sua atitude e perspectiva e trava seu estilo”, disse. “Mas fundamentalmente todas as curas que saíram disso foram bastante pequenas.”






e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

iPod nano pode virar acessório de moda

Patente da Apple revela dispositivo semelhante ao pequeno player de músicas que pode se adaptar ao ambiente externo. Plano de fundo combinando com a roupa pode ser uma das novidades desse projeto.



Um recente pedido de patente publicado pela U.S. Patent and Trademark Office, órgão que regulamenta a propriedade intelectual dos EUA, revela que a Apple estaria trabalhando em um dispositivo – a princípio, semelhante ao iPod nano – que seria capaz de se personalizar automaticamente, de acordo com o ambiente em torno do usuário e as roupas que ele estiver vestindo.


Conforme descrito no documento descoberto pelo site AppleInsider, o projeto conta com novos sensores, microfone, câmera e acelerômetro. Esses recursos permitiriam que o equipamento identificasse o ambiente a sua volta e aplicasse modos personalizáveis ao aparelho, como um plano de fundo que combine com a camiseta do usuário e um protetor de tela que reaja aos movimentos realizados.


Ao que tudo indica, a ideia da empresa da Maçã é tornar o player de música um acessório de moda, tornando-o esteticamente mais agradável. A empresa ainda não se pronunciou sobre a patente.





e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Empresa japonesa cria a menor tela 3D de alta resolução do mundo

dispositivo tem 4,8 polegadas, pode exibir mais de 16 milhões de cores e reproduzir conteúdos tridimensionais com resolução Full HD.



A Ortus Technology, empresa japonesa de tecnologia, desenvolveu o que está chamando de “a menor tela 3D com resolução Full HD do mundo”. Com 4,8 polegadas e 1920 x 1080 pixels de resolução máxima, o novo display ainda exige que os usuários utilizem óculos especiais para usufruir de conteúdos tridimensionais.

A novidade une duas tecnologias inovadoras, a HAST (Hyper Amorphous Silicon TFT) e o filme ótico Xpol, para reproduzir imagens e vídeos com 458 pontos por polegada em 2D e 229 ppi no modo tridimensional. O produto da Ortus Technology pode exibir 16,8 milhões de cores em um ângulo de visão com até 160 graus.

O dispositivo possui retroiluminação de LED. Confira a qualidade de reprodução 3D do display no vídeo acima. Em 2010, a empresa teve repercussão na mídia com um modelo com especificações parecidas, porém com suporte apenas para 2D.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

HP lança mouse Wi-Fi que dispensa uso de Bluetooth

Fabricante inova com equipamento que dispensa o uso de fios ou conectores para se ligar ao computador.


A HP, famosa por seus notebooks e impressoras, acaba de lançar um novo mouse sem fio. O HP Wi-Fi Mobile Mouse inova ao dispensar também o uso de Bluetooth, conectando-se ao computador por meio de Wi-Fi. Isso significa que o aparelho pode se conectar à rede sem fio já existente na casa do usuário, evitando a compra de um receptor dedicado (como ocorrido para alguns outros periféricos wireless).

HP Wi-Fi Mobile Mouse não usa fios nem Bluetooth
O dispositivo funciona por meio de uma rede sem fio, ou seja, basta que o computador tenha suporte para esse tipo de conexão e ele já pode usar o Mobile Mouse da HP. A novidade vem bem a calhar, principalmente para laptops em que, muitas vezes, a quantidade de portas USB não é suficiente para suas necessidades.

Além da praticidade de dispensar fios e conectores tradicionais, o HP Wi-FI Mobile Mouse chama atenção pela autonomia de sua bateria, capaz de suportar até nove meses de uso contínuo. O periférico funciona a até  10 metros de distância do computador, conta com cinco botões personalizáveis e um botão de rolagem.

O lançamento do dispositivo no mercado está marcado para junho de 2011 e ele será vendido nos Estados Unidos a US$ 49,99.

e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

LimeWire aceita pagar US$105 milhões a gravadoras

O acordo acertado com 13 gravadoras, incluindo Sony, Vivendi, Warner Music Group e EMI, encerra quase cinco anos de litígio.



Reuters - Os operadores da rede LimeWire concordou em pagar às gravadoras 105 milhões de dólares para encerrar um processo federal nos Estados Unidos que acusava o serviço de troca de arquivos de infração de direito autoral.


O acordo acertado com 13 gravadoras, incluindo Sony, Vivendi, Warner Music Group e EMI, encerra quase cinco anos de litígio.


A juíza Kimba Wood tinha decidido em maio que os controladores da LimeWire, Lime Group e Lime Wire LLC, tinham contribuído para que usuários copiassem material protegido por direito autoral.


Ela decidiu pelo fechamento da LimeWire em outubro, deixando em aberto a questão sobre o pagamento de indenizações que poderiam ter superado 1 bilhão de dólares com base em 10 mil músicas lançadas desde 1972.


e muito mais no ' Fique por dentro Creative '

Google aposta na música com novo serviço de Internet

Nova aposta da tecnológica, o Music Beta, permite ouvir e armazenar música ‘online’ e ouvi-la através da plataforma Android.



É esta a proposta da Google, que lançou esta semana um novo serviço de armazenamento de música ‘online'. Com o Music Beta as músicas são armazenadas num servidor da Microsoft, que depois podem ser ouvidas num ‘tablet' ou ‘smartphone' com sistema operativo Android.
A vantagem é que a biblioteca musical do utilizador não está restrita a um só aparelho. A Google criou uma aplicação que permite descarregar os ficheiros que o utilizador já tenha para o servidor, com a gestão da biblioteca e da ‘playlist' a ser feita directamente na Internet.
Além da loja de música a gigante tecnológica anunciou ainda um serviço semelhante mas para filmes. Estes são descarregados no computador através da Internet (ou para o ‘tablet' Xoom, da Motorola - a Google prometeu o serviço noutros dispositivos muito em breve). Os preços mais baixos para ‘download' de filmes rondam os 1,5 euros (1,99 dólares).
Apesar da aposta da Google neste serviço de música - para já, apenas disponível nos Estados Unidos e em versão de testes -, a experiência recente da Amazon mostra que o lançamento poderá não ter o sucesso esperado. A Amazon anunciou um serviço semelhante há cerca alguns meses, o ‘Cloud Player'. Contudo, as editoras discográficas mostraram-se desagradadas, já que não foram renegociadas as licenças e os direitos sobre as músicas.
Aliás, Jamie Rosenberg, o responsável pelo conteúdo musical do Android disse mesmo, citado pelo "New York Times", que "algumas das grandes editoras discográficas não colaboraram muito" e "solicitaram uma lista de termos de negócio que eram insensatas e que não permitiria construir um produto sustentável". Ou seja, a Google não vai "depender de alianças que se provaram frágeis", concluiu o responsável.
O novo serviço da Google não se assume como um concorrente directo do iTunes da Apple, já que nesta os ficheiros têm de ser descarregados directamente para o computador. E a principal diferença relativamente à Amazon é que esta já tem uma loja de música online e as faixas que são compradas ficam automaticamente armazenadas na ‘cloud' da empresa. Ou seja, os utilizadores não terão de descarregar a música comprada para o servidor, ao contrário do que acontece com o Music Beta. E, mesmo com ligação em banda larga, o processo pode ser demorado, segundo avançam os ‘sites' de tecnologia.
e muito mais no ' Fique por dentro Creative '